Pesquisar este blog

Breaking News
recent

Os assassinos de aluguel mais cruel do mundo

Esse é um tipo de serviço ou até podemos chamar de emprego para muitos assassinos. Mas de fato é tudo real. Existem pessoas que optam por pagar matadores de aluguéis para eliminar alguém, tanto porque não tem força para tal ato. Também vale lembrar que contratando um matador de aluguel as chance de ser pego é bem menor.
Decidi mostra aqui no blog “Empresas de sucesso” um artigo listando os mais bárbaros matadores de aluguel que já existiram ou embora existem. Todos eles estão vinculados com a máfia italiana, tráfico de drogas e diversas atividades fora da lei. Confira alguns matadores de aluguel mais cruéis de que se tem conhecimento:

Historia dos assassinos de aluguel mais famoso do mundo "Vídeo"

O assassino de aluguel Harry "Pittsburgh Phil" 

Harry "Pittsburgh Phil"
Strauss Harry “Pittsburgh Phil” Strauss (28 de julho de 1909 – 12 de junho de 1941) foi um prolífico assassino contratado para Muder, Inc. Em 1930. Ele supostamente matou mais de 100 homens (alguns historiadores colocam o número tão alto quanto 500), usando uma variedade de métodos, incluindo: tiro, facada com picadores de gelo, afogamento, enterro ao vivo, e estrangulamento. Strauss nunca levou uma arma para cometer seus crimes.
A maioria de seus companheiros o chamavam de “Pep”. Na década de 1930, ele estava cometendo assaltos, furtos e tráfico de drogas. Ele foi preso 18 vezes, mas nunca foi condenado até que ele foi considerado culpado do homicídio que ele e seu colega Murder enviou, Inc. assassino Martin “Bugsy” Goldstein para a cadeira elétrica. Após assassino Abe “Kid Twist” Reles virou informante, Strauss foi preso pelo assassinato de irving “Puggy” Feinstein, e pelo menos outros cinco assassinatos conhecidos. Strauss tentou evitar a condenação fingindo insanidade no tribunal e no corredor da morte. Ele foi executado por eletrocussão usado Sing Sing’s Old Sparky em 12 de junho de 1941.

O assassino de aluguel Joseph Meldish

Joseph Meldish
Joseph Meldish trabalhou como homicida de aluguel por cerca de 20 anos para a máfia e por muito tempo sem ser notado. Como membro de uma filial da Purple Gang no Bronx, em Nova York, Meldish principiou cedo sua carreira como assassino aos 18 anos.
O pistoleiro era tão bom que sempre prestava serviços para Genovesse e os Lucchese – duas famílias da máfia de Nova York. Porem, o delinquente antes intocável foi acusado de pelo menos 40 assassinatos desde a década de 1970. Em 2011, com 55 anos, toda a discriminação de Meldish desapareceu ele foi condenado. 

O assassino de aluguel Joseph Gallo 

Joseph Gallo era um conhecido assassino de aluguel da família mafiosa Profaci, com sede em Nova York. Ele matava sem pretexto e esteve envolvido em diversos assassinatos sob as autorizações do chefe Joe Profaci. De forma irônica, seu apelido não tinha nada a ver com sua honra assassina. Muitos gangsters o classificaram como “louco” por seu costume de recitar linhas de diálogo de filmes gangsters e copiar mafiosos fictícios. Sua reputação acendeu em 1957, quando ele foi acusado (embora nunca confirmado) de ser o atirador no assassinato de um importante chefão da máfia, Albert Anastasia.
Gallo depois comandou uma gangue em uma tentativa de arruinar o líder da família Profaci, Joe Profaci. Porem a tentativa não teve sucesso e muitos de seus amigos próximos e parentes foram massacrados por homens de Profaci. Para agravar as coisas para Gallo, em 1961 ele foi condenado por chantagem e sentenciado a dez anos de prisão. Já na cadeia, ele tentou assassinar diversos companheiros do presídio convidando-os para sua cela e oferecendo-lhe comida mista com estricnina. Muitos presos estiveram doentes, mas nenhum deles faleceu. Gallo foi solto em liberdade condicional após cumprir oito anos de sua sentença.
Depois de sua libertação, Gallo se decidiu a assumir o lugar de Joe Colombo como o chefe da família mafiosa Colombo. Porem em 1971, um gangster afro-americano feriu Colombo 3 vezes na cabeça sob ordens de Gallo. Em 1972, quando Gallo estava em um restaurante acompanhado de seu guarda-costas, um pistoleiro entrou pela porta dos fundos e atirou 5 vezes no peito de Gallo. Ele tropeçou para a rua e caiu morto. O principal acusado pelo assassinato era “Carlo Gambino”, que teria ordenado a morte de Gallo em represália pelo assassinato de seu melhor amigo Joe Colombo.

O assassino Richard ‘’O Homem Gelo’’ Kuklinski

 O assassino Richard
Quem sabe o assassino profissional mais módico da história, ‘’O Homem Gelo’’ Kuklinski exatamente deve ter assassinado mais de 200 homens (Nunca crianças ou mulheres) pessoalmente durante a sua vida. Ele atuou em Nova Jersey e Nova York entre 1950-88 e trabalhou como homicida para a família DeCavacante, bem como diferentes outras famílias proeminentes do crime.
Kuklinski praticou seu primeiro assassinato com 14 anos, batendo em um outro garoto até a morte com um pedaço de madeira. A fim de impedir a assimilação do corpo, Kuklinski cortou os dedos do garoto e arrancou seus dentes antes de derramar seus restos de uma ponte. Em seus anos de mocidade, Kuklinski tornou-se um conhecido matador em série de Manhattan, brutalmente assassinando habitantes de rua por pura emoção. A maior parte de suas vítimas foi baleada ou esfaqueada. Sua fama de brutalidade logo atraiu a atenção de várias famílias da máfia, que almejavam utilizar seu talento para a selvageria fazendo-o um assassinado profissional.
Ele unificou-se a família Gambino, encenando assaltos e também pirataria de vídeos pornográficos. Um dia, um membro venerado da família Gambino chamado Roy DeMeo levou Kunklinski o matasse. Kunklinski andou para o homem e atirou na parte de trás de sua cabeça. Foi o começo de sua carreira.
Ao Longo dos 30 anos, trabalhou com sucesso como um assassino de aluguel contratado. Seu apelido veio de seu procedimento de congelamento das vítimas para dissimular p momento adequado da morte. Kunklinski também era conhecido por seus métodos virados de execução, o mais comum era utilizar cianeto com veneno. Quando as autoridades enfim identificaram Kunklinski, não existia provas para conseguir uma condenação por assassinato.
Como consequência, eles tiveram que acreditar em uma operação policial, e um agente secreto disfarçou contratar Kunklinki e o gravou esclarecendo como ele mataria alguma pessoa por contrato. Ele foi logo preso e indiciado enquanto tentava obter cianeto. Granjeou cinco sentenças de prisão perpétua sucessivas por homicídio após admitir inúmeros assassinatos, e faleceu na prisão por causas naturais aos 70 anos de idade.

Abraham ‘’Kid Twist’’ Reles um dos assassinos mais cruel da história

Abraham ‘’Kid Twist’’
Abe Reles é o mais evidente assassino submergido com o ‘’Murder Inc’’ (Assassinato Inc), um bando secreto de assassinos contratados que prestava serviços para a máfia. Ele foi mais ligado como mafioso durante os anos de 1930, quando assassinou para diferentes famílias mafiosas de Nova York. Sua arma de preferência era um picador de gelo, que ele aproveitava para empalar a cabeça de uma vítima e perfurar seu cérebro.
Reles era muito violento e muita das vezes eliminava suas vitimas por impulso. Em um ocasião evidente, ele assassinou um auxiliar de estacionamento por não trazer seu veículo rápido o suficiente. Em outro ocasião, ele chamou um amigo para jantar na casa de sua mãe e espetou o rapaz com seu picador de gelo e eliminando o corpo da vítima com a ajuda de uma amigo.
Quando garoto, Reles envolveu-se em vários delitos e tornou-se notório no mundo do crime organizado. Foi mafioso e ex-amigo Meyer Shapiro que conheceu seu valor. Reles e um pouco de seus amigos gangsters mais tarde foram caçados por homens de Shapiro, mesmo que ninguém foi morto na primeira tentativa. Meyer Shapiro então seqüestrou a namorada de Reles e a violentou em um milharal. Reles, em seguida, confinou em uma missão de vingança, para matar Meyer Shapiro e seus 2 irmãos. Foi até o domicílio de Irving Shapiro e arrastou-o para a rua para humilhá-lo, antes de mata-lo. Dois meses depois, Reles atirou no rosto de Meyer Shapiro. Três anos se atravessam, e Reles enfim localizou o terceiro e último irmão Shapiro, que foi sequestrado, severamente surrado e enterrado vivo.
Em 1940, Reles encarou acusações de assassinato e possivelmente seria executado se fosse condenado. Para se proteger, ele denunciou antigos amigos e membros da Murder Inc, todos os 6 dos quais foram executados. Ele iria testemunhar contra o poderoso chefe da Máfia Albert Anastasia, e estava sob vigilância em um quarto de hotel antes do julgamento, no entanto na manhã seguinte foi achado morto na calçada em frente ao hotel. Não se sabe se ele foi atirado ou empurrado da janela, ou se estava tentando escapar.

O matador de aluguel José Manuel Martinez

José Manuel Martinez
Um assassino de aluguel, suspeito pela morte de 9 pessoas, declarou aos investigadores que eliminou até 40 pessoas em uma carreira de décadas.
O promotor do condato de Lawrence, no Alabama, Errek Jett, disse que “Manuel Martinez”, 51 anos, garantiu aos investigadores que incumbiu os crimes trabalhando como um executo de um cartel de drogas.
Martinez foi preso pouco depois de atravessar a fronteira do México para o Arizona, e foi enviado para o Alabama onde espera julgamento por uma denúncia de assassinato. Ao confessar os assassinatos, diversos peritos do país questionaram o matador de aluguel.
Além das acusações de 9 assassinatos, Martinez foi indiciado na Califórnia por tentativa de homicídio e por cometer vários assassinatos, emboscadas e sequestros com fins lucrativos, diz que a queixa-crime. As acusações da justiça da Califórnia fariam com que Martinez fosse sentenciado à morte.
O matador de aluguel brasileiro Idelfonso Maia Cunha, conhecido como “Mainha”
O matador de aluguel brasileiro Idelfonso Maia Cunha
Idelfonso Maia Cunha, popular como "Mainha", nasceu em Alto Santo-CE, no dia 28 de outubro de 1955. Era respeitado como o maior pistoleiro do Nordeste, suspeito de quase 100 mortes nos anos 80, nos estados da Paraíba, Ceará, Pernambuco, Pará e Rio Grande do Norte.
O primeiro delito assumido por ele ocorreu em 23 de janeiro de 1982, quando foi acusado de ser "ladrão de cavalos" por Orismilde Rodrigues, seu vizinho. Mainha matou o rapaz sem hesitar, alegando que jamais foi ladrão e necessitava manter sua honra. Porém, os crimes a ele retribuídos remontam aparti de 1977.
Protegido pelos fazendeiros Domingos Rangel em Castanhal, no Pará, Chiquinho Diógenes no Ceará, Mainha conseguia esquivar das diligências chefiadas pelos delegados Luiz Carlos Dantas e Francisco Carlos de Araújo Crisóstomo e pelo Comissário José Lopes Filho, seguindo as tática armadas para prendê-lo pelo então Secretário de Segurança do Estado, Moroni Torgan. Foi enfim preso em 06 de agosto de 1988 em Quiterianópolis(CE).
Após varias condenações em 25 de setembro de 2003, ganha liberdade em regime semi-aberto, na colônia penal do Amanari, onde estava.
Morte de Mainha
Vivendo no minicipio de Maranguape(CE) há quatro anos, foi assassinado com 9 tiros de pistola ponto 40 no dia 04 de janeiro de 2011. Um verdadeiro batalhão de curiosos e policias foi ao local do crime para confirma o fato. Assim chegou ao fim a vida do maior pistoleiro do Nordeste. Foi enterrado na cidade de Nova Jaguariba (CE), onde foi necessário a presença da polícia para conter a multidão de curiosos que chegava até em ônibus fretados para ver o enterro.

Assassino de aluguel 

Um sicário (ou assassino de aluguel ou aluguer, também conhecido como “pistoleiro” no Brasil) é uma pessoa contratada para assassinar um ou mais alvos em troca de dinheiro. São geralmente ligados ao mundo do crime organizado. Usam modos rápidos e discretos para assassinar, não chamam a atenção para si e seguem regras rigorosas.
Empresas de sucesso

Empresas de sucesso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Comentario

Fabiano . Tecnologia do Blogger.